Força do Rap

18:28


Nave, J.L., Alex, Pixote,
Pingo, Marquinhos e Betinho


Em 1993, sete amigos, (J.L., Pingo, Pixote, Marquinhos, Betinho, Alex e Nave) todos vendedores de sinal de trânsito em Irajá, resolveram formar um grupo de RAP, o nome sugerido: "A Força do Rap".

A primeira música "Rap da Paixão", foi sucesso imediato e a mais pedida da rádio Imprensa em tempo curto de 1 semana.

Precursores da idéia de bonde no funk, a Força do Rap sacudia as estruturas por onde passavam, 07 meninos talentosos e cheios de charme. A massa funkeira feminina passava mal literalmente com os meninos nos palcos.

O escritório da “Águia Disco”, era lotado de fotos, cartas e presentinhos para os meninos. Viajaram e levaram o funk pros quatro cantos do nosso Brasil.

Durante dois anos sacudimos a massa funkeira com este sucesso e gravamos um CD pela EMI-ODEON.

Vendemos 120 mil cópias e ficamos conhecidos por todo Brasil.

Participamos dos programas: Xuxa Hits (Globo), Furacão 2000 (CNT), Paty Beijo (Manchete), Quem sabe sábado (Record), Canal 7 (Band), entre outros.

Em 2004 o grupo diminuiu com a saída de 4 integrantes: Pixote, Alex, Betinho e Nave.

Marquinhos e Pingo, continuam fazendo música e cantando como a "Força do Rap"

Betinho, JL e Alex infelizmente faleceram.

Pixote é pastor e Nave não quer mais saber de funk.

Release atualizado 20/03/2011

Ouça "Rap da Paixão"


Ouça "Barraco no Morro"


Ouça "Saber te amar"

Créditos Texto e Foto: Força do Rap; Colaboração: Claudia Duarcha

You Might Also Like

6 comentários

  1. Adorei o site, estou fazendo um Trabalho de conclusão de curso na faculdade e estou utilizando o funk como manifestação cultural do pobre e o som da voz que irradia e é ouvida da favela, verdadeiros artistas. Estou amando o site, pois me ajudou imensamente a comparar o que foi lindo e manifesto com essa tendencia sexual exacerbada que ficou nos funks atuais, mas que também tem que ser reconhecido como expressão de uma sociedade!
    Amei, obrigada pela ajuda.
    Vanuza namorada do Mauro :)

    ResponderExcluir
  2. realmente o força do rap trouxe muitas alegrias para os bailes do rio ....saudades do betinho!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. essa música ''barraco no morro'' é muito massa....tem q ter uns sons assim atulamenteeeee

    ResponderExcluir
  4. MC JL VAI FAZER MUITO FALTA PRA NOS, SINTO MUITO DE TER PERDIDO UM AMIGO ASSIM TAO DERREPENTE UMA PESSOA QUE MESMO COM O SUSSESO QUE ELE TINHA NUNCA MUDOU,SEMPRE VISITAVA OS AMIGOS,SEMPRE ALEGRE E HUMILDE SAUDADES ETERNAS DO MC JL E MC BETINHO ESCRITO POR NAKYA DE VILA VALQUEIRE

    ResponderExcluir
  5. MC JL Q FALTA VC VAI NOS FAZER,INFESLIMENTE ACONTECEU.MAIS DIZEM QUE DEUS QUER AS PESSOAS BOAS AO LADO DELE.MAIS COM TODO O RESPEITO A DEUS, PREFERIA ELE ENTRE NÓS TRAZENDO A ALEGRIA QUE TRAZIA E A HUMILDADE QUE NOS ENSINAVA.DESCANSE EM PAZ ETERNO JORGE LUIZ.SAUDADES!!!!!!!!!!FABIO CALIXTO VILA VALQUEIRE

    ResponderExcluir
  6. SOU MC NALDONHO mas fui DJ da força do rap JL PRA MIM ERA UM IRMÃO NÃO SO ELE MAS TAMBEM O BETINHO CARACA NEM ACREDITO MAS A E A VIDA MAS ATE HOJE EU TENHO ELES TODOS COMO IRMÃO SAUDADE QUE NUNCA VAI VOLTA MAS ELE ESTA COM DEUS FICO FELIZ

    ResponderExcluir

- Não serão aceitos comentários anônimos ou assinados com e-mail falso.

– Serão, automaticamente, descartados os comentários que contenham insultos, agressões, ofensas e palavras inadequadas.

– Serão excluídos, igualmente, comentários com conteúdo racista, calunioso, difamatório, injurioso, preconceituoso ou discriminatório.

– Os comentários publicados poderão ser retirados a qualquer tempo, em caso denúncia de violação de alguma das regras acima estabelecidas.

Like us on Facebook

Flickr Images

Frases