1º Festival Funk é Cultura

24/11/2008 | comentários: 1
APAFUNK e o Movimento Funk é Cultura sonharam com os seguintes objetivos:

- Fortalecer o movimento funk, entendido enquanto "Movimento Cultural",

- Divulgar e Fortalecer a Associação dos Profissionais e Amigos do Funk (APAFUNK),

- Incentivar a produção de músicas com letras elaboradas e que fujam da mesmice imposta pela indústria cultural,

- Conscientizar os trabalhadores do funk acerca de seus direitos,

- Criar esforços para que o movimento prossiga atuante e agregue outras realizações,

Todos alcançados!!!!!!!

"Em um festival tudo e em tudo se respira música. É o momento em que as muitas vivências se juntam e transformam até o mais simples gesto em uma lição aprendida. É um encontro fantástico em que jovens, profissionais e comunidade recebem uma carga de renovação, inovação, de um novo e incessante recomeçar."

O tempo nublado não esfriou o ânimo do público, ávido por conferir o que havia de novo, ou conhecido, no cenário desta primeira edição do Festival.

Também pode ver o quanto foi difícil escolher os ganhadores das duas categorias (Bondes e MC's), a competição estava muito acirrada. Vários talentos nasceram ali, todos tiveram sua importância e sua parcela de "culpa", os que não ganharam (desta vez) saíram de lá com a sensação de dever cumprido, porque também fizeram a platéia se emocionar, abrilhantaram o festival e a quadra da Favo.

Nos intervalos do festival, tivemos as apresentações dos MC's Dollores, Leonardo, Sinistro, Mião, Força do Rap, Naldinho, Mano Teko, Nina e o rapper Delírio Black.

No fim da noite aconteceu a premiação, os artistas foram julgados nos quesitos Letra, Performance, Melodia, Qualidade Vocal e Animação do público por um júri composto por cinco especialistas na área.

Após apresentação dos competidores e enquanto o júri avaliava e concluía sua decisão, a quadra da Escola de Samba Favo de Acari virou um tremendo baile funk, comandado pela equipe de som Puma. Até o nosso presidente Antonio Carlos "Fogueira", sambista de raiz caiu no funk.

Os ganhadores escolhidos pelo júri levaram para casa lindos e pomposos troféus!

A Comunidade do AKA (Complexo do Acari) mais uma vez deu um show de comprometimento e hospitalidade.

Agradecimentos especiais à: Antônio Carlos "Fogueira" (Presidente da Escola Favo de Acari), MC Pingo, Deley, Mano Teko e Delírio Black, por transformarem o sonho em realidade.

Lista dos Ganhadores

Categoria Bonde

1º Lugar - Muleks Inocentes

2º Lugar - Os Noturnos

3º Lugar - Máfia dos Solteiros

Categoria MC

1º Lugar - MC Wandinho

2º Lugar - MC Tiana

3º Lugar - MC Romano

Créditos Fotos: Adriana Facina


Mano Teko e Delírio Black (Apresentadores)


Bonde dos Piranhas

MC Wandinho

Muleks Inocentes



Deley (Guerreiro), ser humano mais querido de Acari. Meu eterno amor!!!

Os Excitados

Máfia dos Solteiros


Muleks Inocentes (1º Lugar categoria Bondes)



MC Tiana (2º Lugar Categoria MC)




MC Wandinho (1º Lugar categoria MC)








Júri


Os Noturnos (2º Lugar Categoria Bondes)


Garotos de Programa


Máfia dos Solteiros (3º Lugar Categoria Bondes)


Bateria Mirim - Gremio Recreativo Favo de Acari



Mardonio, MC Xandinho, MC Tiana e Adriana Facina

Bonde da 88


MC's Sinistro, Mião, DJ Marcelo André e Primo


MC Naldinho


MC Leonardo

MC Faka Pá e o rapper Delírio Black

MC's Frann, Wandinho e Jhonny Surdinho

MC Dollores

MC Pingo e Mestre Kalunga


MC's Marquinhos e Pingo (Força do Rap)




Presidente da Favo de Acari - Antônio Carlos "Fogueira"


Bonde dos Piranhas




MC's Wandinho e Tiana

MC's Pingo, Faka Pá, Guélo, Alex e Primo

MC's Guélo, Faka Pá e Alex

MC's Guélo e Faka Pá


MC Alex

Uma pequena homenagem à um grande homem!

Antonio Carlos "Fogueira", nosso presidente!